Antonov e Boeing selam parceria

Linhas de produção da fabricante ucraniana haviam sido pausadas, em virtude de cortes nas importações de peças Russas. Primeiras aeronaves oriundas da parceria deverão ser entregues no final de...
Antonov 225 - Arquivo Digital

Linhas de produção da fabricante ucraniana haviam sido pausadas, em virtude de cortes nas importações de peças Russas. Primeiras aeronaves oriundas da parceria deverão ser entregues no final de 2019

 

Por Felipe Carvalho

A fabricante ucraniana Antonov, criadora do colossal AN-225 Mryia, assinou na ultima semana um importante acordo com a Boeing, que por ora, resolverá os problemas de fornecimento decorrentes dos cortes de importações russas.

Desde 2016, as produções da empresa do leste europeu estão paradas, em virtude da decisão do governo ucraniano em banir relações comerciais com a Russia, como forma de resposta ao embate envolvendo a anexação da região da Crimeia em 2014.

Isso explica a estagnação das operações industriais da empresa, pois em torno de 60% dos componentes de suas aeronaves eram importados da Rússia, que a partir de agora, serão fornecidos pela Aviall – subdivisão que faz parte do grupo Boeing e tem fábricas nos EUA, Canadá, Israel e no continente europeu.

Uma das primeiras medidas constantes no acordo é a criação de um conjunto de instalações de armazenagem na Ucrânia, com propósito de facilitar as operações fabris no país.

“Este armazém vai lidar com produtos materiais, metais, não-metais, com todos os componentes que não podemos obter do nosso ex-parceiro, a Federação Russa”, disse Oleksandr Donets, presidente da Antonov.

Graças ao acordo, a Antonov estima a entrega de duas ou três aeronaves dessa nova produção até o fim de 2019. Após 2020, estima-se que a empresa manterá um ritmo médio de 8 entregas por ano.

“Como resultado da assinatura do acordo com a Aviall, a Antonov ganhou um parceiro confiável para se tornar um importante integrador na aquisição de itens de fornecedores ocidentais para lançar a produção em série de novas aeronaves e oferecer provisões de apoio de alta qualidade no pós-venda”, declarou Donets, em comunicado oficial da Antonov.

Donets ainda enfatizou que a Aviall apoiará o programa de jatos regionais AN-1X8 NEXT, tendo exclusividade nos direitos para oferecer serviços de venda e atendimento aos clientes. O novo projeto da fabricante ucraniana prevê uma gama de atualizações para os modelos comerciais AN-148 e a aeronave militar AN-178. Não foram divulgados prazos para entrega das aeronaves supracitadas.

Antonov AN1X8 NEXT – Arquivo Digital

 

 

 

 

 

Compartilhe
error
Categorias
Indústria & PesquisaIndústria & Pesquisa - Notícias
Sem comentários

Leave a Reply

*

*

POSTS RELACIONADOS

EnglishPortugueseSpanish
Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial