Em parceria com a Boeing, Embraer estuda família de turboélices

Aeronaves a serem desenvolvidas devem comportar em média 70 assentos.

A Embraer está em estágio avançado de análise para o lançamento de uma nova aeronave turboélice, que será desenvolvida em parceria com a Boeing. O avião, de acordo com a Reuters, será do mesmo tamanho ou maior que o ATR-72, com capacidade para 70 lugares.

A compra do controle da divisão da companhia brasileira pela Boeing está aguardando aprovação de autoridades europeias.

“Ele fica dentro de nosso mercado alvo, que sempre fomos claros em dizer que é abaixo de 150 lugares, e terá uma adjacência natural com a família E2”, disse o presidente-executivo da divisão de aviação comercial da Embraer, John Slattery, à agência de notícias.

O executivo também afirmou que a Embraer não deverá seguir adiante com o projeto caso tenha que desenvolvê-lo sozinha por conta do custo estimado em bilhões de dólares.

“O volume de recursos necessários para uma nova aeronave comercial estado da arte é de uma ordem de magnitude que nós simplesmente não temos apetite para desenvolver fora do ambiente da joint-venture”, frisou Slattery.

Fonte: Panrotas

Compartilhe
error
Categorias
Indústria & PesquisaIndústria & Pesquisa - Matérias
Sem comentários

Leave a Reply

*

*

POSTS RELACIONADOS

EnglishPortugueseSpanish
Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial